Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Conheça o APP AcheAki | Android e IOs

Cordeirópolis é a segunda cidade da região que mais investe no combate ao coronavírus

Cidade é avaliada dentro do aglomerado de Piracicaba – Investimentos somam R$ 2 milhões

A cidade de Cordeirópolis é a segunda cidade que mais investiu no combate ao novo coronavírus, o Covid-19, segundo dados que constam em uma plataforma digital lançada pela Promotoria na quinta-feira (13), onde também revela que, na região, o gasto média de combate à Covid-19 por habitante é de R$ 24,97.  Cordeirópolis investiu mais que o dobro no combate a doença (R$54,74).

Os municípios do Estado de São Paulo fazem detalhamento referente dos gastos com o enfrentamento à covid-19 e Ipeúna ficou em primeiro com a maior média com R$ 55,97, gastos por habitante, seguido por Cordeirópolis (R$ 54,74) e Rio das Pedras (R$ 53,08).

O sistema Avicena, tem como objetivo monitorar gastos para evitar sobrepreço e outras irregularidades, segundo o MP.

Investimentos

De acordo com a Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Saúde, foram investidos entre respiradores, equipamentos de proteção individual aos profissionais de saúde como máscaras, protetores faciais e macacões, além dos testes disponibilizados à população, PCR e testes rápidos, onde foram testados mais de 21% da população, já foram investidos cerca de R$ 2 milhões para barrar a doença na cidade.

Atualmente, a estrutura de Saúde de Cordeirópolis conta com sete Unidades Básicas de Saúde e um hospital com cinco leitos de emergência – todos equipados com respiradores – para atendimentos emergenciais de pacientes com a covid-19. Foi montado o Centro da Covid-19 com atendimento personalizado a população.

A Secretaria de Serviços Públicos atua, quase diariamente, fazendo a higienização e desinfecção de ruas, praças e hospital com solução de cloro, evitando a presença do vírus em locais de grande movimentação da cidade.

Foi criado também um comitê com médicos de referência, para em conjunto com a Secretaria de Saúde, definir as medidas que são tomadas na cidade. Formado pelo consultor da Sociedade Brasileira de Infectologia, Dr. Helio Bancha, do Hospital Albert Einstein, o ex-secretário da Saúde de São Paulo e presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Dr. Gonzalo Vecina Neto, diretor do Hospital Municipal, Dr. Joaquim Raposo, a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Nayara Belini, a secretária de Saúde, Jordana Cassetário e a diretora de Alta complexidade, Kelen Rampo, o comitê realiza várias reuniões por videoconferência, com a presença do prefeito Adinan Ortolan.

Mesmo com estrutura de saúde de qualidade, testes e campanhas de prevenção, a Secretaria de Saúde reforça a necessidade do uso de máscaras e do isolamento social para contenção do novo vírus.

A cidade registra hoje 1113 casos positivos e 14 óbitos. Desses números, 885 estão curados, 207 monitorados e sete internados. Mais de 21% da população foi testada, onde foram realizados 5331 testes, sendo 3146 de PCR e 2185 testes rápidos.

 

 

 

 





Leia Também

Deixe um comentário Para "Cordeirópolis é a segunda cidade da região que..."