Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Farmácia de Plantão: Farmavip Droga Nova,

Cordeirópolis junto ao Google no método de ensino

Cordeirópolis foi escolhida para ter o desenvolvimento dos projetos da empresa de tecnologia na área educacional, mas com estudos para expansão para outros setores, como testes de ferramentas para mobilidade urbana. Os professores já estão passando por processos de capacitação e várias mudanças ocorrerão no decorrer deste ano.
O prefeito Adinan Ortolan (PMDB) concedeu entrevista ao Portal JE10 e trouxe os detalhes da visita que realizou aos Estados Unidos, onde juntamente com a secretaria de Educação Angelita Meneghin Ortolan, puderam conhecer todo o sistema do Google.
De acordo com Ortolan foram várias visitas: desde a empresas de tecnologia que desenvolvem trabalhos para o Google, Universidade Stanford, Fundação Lemann e  até escolas públicas que usam o método “Google For Education” e que serão implantados em Cordeirópolis. 
“Realmente o projeto que é desenvolvido é impressionante; onde está incluso também o Waze que foi comprado pelo Google, o qual está nessa parceria e abrange a rede de cidades inteligentes, onde serão disponibilizados diversos aplicativos para teste, uma forma da população interagir com a Prefeitura, seja para trazer um buraco em sua rua como manutenção e serviços de trânsito”, explicou Ortolan.
Na viagem tiveram conhecimento dos computadores que serão utilizados para a implantação do projeto e a cidade receberá a visita do diretor da Google da América Latina.
 “Conhecemos as linhas de computadores que são chamados de chromebooks e serão instalados na rede municipal, bem como a aplicação; foi importante termos conhecimento de como é implementado lá pelo Google e como eles exigem que seja realizado, e fomos também em grandes instituições de ensino que pagam pra ter esse sistema, enquanto teremos gratuitamente aqui no município”, contou.
Esse projeto não ficará restrito apenas aos estudantes, a cidade terá um domínio que o Google criou que será cordeiropolis.com e cada morador terá um gmail, onde além dos alunos será extensivo aos familiares. 
Em relação ao investimento na compra dos equipamentos, Adinan relatou que teve contato com dois fabricantes dos chromebooks: Samsung e Positivo, onde esse diretor da América Latina marcará a reunião para receber as propostas e descontos para aquisição.
“Desde o início da implantação ficou claro que a aquisição dos equipamentos será por conta da Prefeitura, e acreditamos que será investido em torno de R$ 1 milhão na compra dos computadores”, destacou.
A estratégia a ser usada nas escolas municipais, será estudada com a secretaria de Educação a melhor forma da implantação dos equipamentos. De acordo com o prefeito, em todos os lugares que visitaram, sejam na Universidade Stanford, que realizam pesquisas constantemente, quanto nas escolas que usam o sistema, não iniciaram com um computador por aluno e devem seguir todo um processo para a implantação.
“A maior dificuldade que teremos será em mudar a cultura dos professores, as escolas que visitamos não possuem lousas e são aulas extremamente interativas e todas passaram por um processo que iniciaram com alguns professores até chegar à escola como um todo, a presença do computador é importante, mas o que necessitamos será mudar a metodologia de ensino. O maior ganho que tivemos aqui foi o processo de formação dos educadores, pois o Google está disponibilizando profissionais para capacita-los, já o processo em sala de aula será gradativo, em torno de dois anos, as pessoas passarão a sentir o resultado”, explicou Ortolan.
De acordo com Ortolan, o  Google já realizou todo levantamento nas escolas, quais as necessidades de equipamentos, avaliação da internet existente na cidade e será disponibilizado o sistema de acordo com o que a cidade possui.
“A Google está viabilizando tecnicamente um sistema em que a internet mesmo limitada da forma que temos, possa ter todos os programas deles e com a mesma funcionalidade, pois são desenvolvedores de softwares”.
Ainda de acordo com Adinan, todo processo da Google será estendido à faculdade municipal, já que possui o curso Gestão de Tecnologia em Marketing Digital. Em primeiro momento será implantado nas redes municipais, mas nada impede que seja implantado também na rede estadual, como ocorreu na Apae.
“A questão não é simplesmente instalar computador, mas sim uma mudança de métodos de ensino com uma pedagogia ativa e tem que haver disponibilidade da própria escola e dos professores e se assim houver, não vejo problema algum em estender como aconteceu com a Apae”, destacou Ortolan.
“Participar de um projeto inovador da maior empresa de tecnologia do mundo é um verdadeiro presente e durante esta viagem, pudemos conhecer outros projetos e experiências realizadas no Vale do Sicílio que podem nos ajudar a melhorar a educação e também outros serviços públicos do município por meio da tecnologia”, acrescentou a secretaria de educação Angelita Meneghin Ortolan.


Deixe um comentário Para "Cordeirópolis junto ao Google no método de ensino"