Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Conheça o APP AcheAki | Android e IOs

Cordeirópolis se antecipa e fará testes rápidos em pessoas com síndromes gripais

Desde criança a pessoas idosas que apresentarem dois sintomas já farão os testes

O prefeito de Cordeirópolis Adinan Ortolan, através de uma live realizada na manhã desta terça-feira (14) informou que o município está com disponibilidade orçamentária e investirá na aquisição de três mil testes rápidos para detectar o coronavírus, o Covid-19, com o objetivo que seja detectado já desde início e não corra o risco em proliferar a doença. Também foram investidos mais R$ 85 mil em respiradores, onde a cidade contará com sete aparelhos no total.

“Em países que foram adotadas essas medidas de prevenção houve um resultado positivo em combater a doença, sem contar que estamos entrando em uma mudança de temperatura o que há possibilidade em aumentar a síndrome gripal”, afirmou Ortolan.

De acordo com a secretária de saúde Jordana Cassetário, os testes estão centralizados na unidade central para que haja melhor controle, porém, os médicos que fazem atendimentos na unidades de saúde dos bairros irão solicitar para que seja realizado os testes.

“De acordo com o nosso boletim informativo do Covid- 19 nós temos 126 em isolamento social, pessoas essas que apresentaram sintomas e de acordo com o protocolo do Ministério da Saúde, devem permanecer em casa, a partir destes testes as pessoas que apresentarem dois sintomas como febre alta e com dificuldade respiratória já faremos os testes que devem ser realizados entre o 7º e 15º dia”, explicou Jordana.

Ainda de acordo com a secretária, Cordeirópolis está com quatro casos suspeitos, sendo que três aguardam contra prova do Instituto Adolfo Lutz, um foi confirmado no teste rápido, porém já foi curado, um caso está internado na Santa Casa de Limeira e um óbito de uma senhora que está em investigação, onde o teste rápido deu negativo, porém aguarda a contra prova do exame PCR.

Atendimentos nas Unidades de Saúde

De acordo com a Diretora de Atenção Básica, Bruna Paula de Carvalho, os atendimentos de rotina continuam sendo adiadas, porém os pré natais continuam com seus atendimentos, bem como das crianças até quatro meses.

“Pedimos que quem estiver com dúvidas ou precisa renovar as receitas nos liguem para assim evitar contatos e aglomerações. Se a pessoa apresentar uma simples dor de garganta, também pedimos que fique em casa. As vacinas contra Influenza continuam em nossas unidades, e o idoso que ainda não tomou  nos ligue para agendarmos. O que salientamos é que as pessoas cuidem de seus quintais, pois os casos de dengue na cidade aumentaram”, salientou Bruna.

O prefeito Adinan Ortolan ao encerrar a live reforçou que a cidade está com aproximadamente 250 casos de dengue.

“Reforço que a dengue é uma doença perigosa que também pode matar, portanto, a Prefeitura continua com seu trabalho de nebulização e combate contra o mosquito, mas reforçamos que as pessoas precisam cuidar de seus quintais”, disse Ortolan.

Comércio

Durante a live o Secretário de Desenvolvimento Sustentável, José Giardini contou que em parceria junto ao Sebrae será oferecido na próxima sexta-feira (17) às 14hs, um curso online aos microempreendedores da cidade em como vender pela internet.

“É um momento delicado que estamos enfrentando e temos que nos unir e se reinventar. O curso será gratuito e teremos 95 vagas”, disse Giardini. Em parceria com a secretaria há uma linha de crédito disponível aos micro empresários através do Banco do Povo.

Já na questão da abertura do comércio, Adinan Ortolan reafirmou que o decreto estadual de João Dória prevalece e que a fiscalização é de responsabilidade e atribuição da Secretaria de Segurança Pública, sendo assim cabe a Polícia Militar e Polícia Civil esta atribuição e não a Prefeitura.

SAAE

De acordo com o Técnico do Sistema Autônomo de Água e Esgoto de Cordeirópolis, Marco Gomes, algumas medidas foram tomadas a partir de abril.

“As contas de abril foram prorrogadas para junho e as de maio para julho, tendo aí um prazo de 60 dias para que o consumidor consiga se adequar”, reafirmou Gomes. Já as contas antes de março não entraram na prorrogação.

 

 

 





Leia Também

Deixe um comentário Para "Cordeirópolis se antecipa e fará testes rápidos em..."