Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Farmácia de Plantão: Farmavip Droga Nova,

Em 42 dias, gasolina teve um aumento final de 15,70%, enquanto o diesel viu seus valores subirem em 19,25%

Aumento da Petrobras para as distribuidoras fazem gasolina e diesel ficarem mais caros

Os altos valores da gasolina e diesel assustam os consumidores que vão até os postos encherem os tanques de seus carros e motos, o aumento é perceptível em todo o território nacional. Em pesquisa realizada pelo Portal JE10, foi constatado um aumento diário nos valores repassados em reais por litro para as distribuidoras.  A pesquisa, foi realizada entre 14 de março à 26 de abril.

De acordo com a tabela de preços médios de diesel e gasolina às distribuidoras sem tributos, que pode ser analisada no site www.petrobras.com.br foi observado que no dia 14 de março o diesel custava R$ 1,73 o litro, no dia 26 de abril o mesmo produto chegava na casa dos R$ 2,06 um aumento de 19,25%. O mesmo aconteceu com a gasolina, que tinha um valor de R$ 1,55 o litro e fechou com R$ 1,79 nas mesmas datas respectivamente, um aumento de 15,70%.

Em nota, a Petrobras informou que esses valores não refletem no consumidor  final e afirmou que esses aumentos devem continuar, pois segue a cotação do mercado atual.

“O preço de venda às distribuidoras não é o único determinante do preço final ao consumidor. Como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas pela Petrobras podem ou não se refletir no preço final, que incorpora tributos e repasses dos demais agentes do setor de comercialização: distribuidores, revendedores e produtores de biocombustíveis, entre outros. A partir da referência de preços do mercado internacional, analisamos nossa participação no mercado interno e decidimos, periodicamente, se haverá manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias”, disse a empresa em nota.

Por: Diego Fabiano de Oliveira



Leia Também

Deixe um comentário Para "Em 42 dias, gasolina teve um aumento final..."