Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Conheça o APP AcheAki | Android e IOs

Fiscalização contra o uso de cerol será intensificada e multa pode passar de R$ 4mil

Lojas flagradas vendendo o material cortante podem perder o alvará e pais podem ser responsabilizados e terão que pagar multa

A Polícia Militar e a Guarda Civil Municipal realizarão a partir deste final de semana, a intensificação do patrulhamento em todas as áreas da cidade.

Este trabalho tem como objetivo a fiscalização da flexibilização do comércio, para combater a proliferação de casos do COVID-19, onde as forças de segurança também estarão engajadas para conter a aglomeração de pessoas.

De acordo com o GCM Leonardo Maximiliano, ainda existe outra preocupação: o número alto de pessoas soltando pipas, inclusive com “cerol”, tipo de cortante que é passado nas linhas das pipas podendo causar acidentes e até mortes.

A Lei Ordinária Nº 2583, dispõe sobre a proibição de comercialização e uso de cerol ou de qualquer material cortante em linhas ou fios usados para empinar pipas, do qual em caso de flagrante os objetos serão apreendidos além do pagamento de multa no valor de 1.000 UFIRCO’s equivalente a R$4.400,00 reais, seja para o proprietário do estabelecimento comercial, para o portador do cerol ou cortante ou até para o pai ou responsável se o indivíduo flagrado for menor de idade.

“Devemos manter a responsabilidade sobre essa época de pandemia, ainda temos muito a percorrer, tomando todos os cuidados necessários, utilizando mascaras, álcool gel, distanciamento social e principalmente evitar soltar pipas com qualquer tipo de cortante ou cerol nas linhas, estaremos fiscalizando e evitando que acidentes ocorram e também a visando a diminuição dos casos de Corona Vírus em nossa cidade, pontuou o GCM Leonardo Maximiliano do Centro de Inteligência e Monitoramento da Guarda Civil.”

Qualquer dúvida ou denúncia, a pessoa deve ligar 190 Polícia Militar, ou 153 / 3546-5838 Guarda Civil Municipal.





Leia Também

Deixe um comentário Para "Fiscalização contra o uso de cerol será intensificada..."