Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Portal JE10 - Cordeirópolis e Região

Conheça o APP AcheAki | Android e IOs

MP pede devolução de dinheiro gasto com premiação considerada “fraudulenta”

Premiação foi recebida em 2017

O Ministério Público de Cordeirópolis deu um prazo de 15 dias para que o vereador Anderson Hespanhol (Cidadania), o Pique, para que devolva o valor gasto com a sua participação em um seminário realizado pelo Instituto Tiradentes. A “honraria” foi paga pela Câmara Municipal e de acordo com a promotora Aline de Moraes, o instituto foi reconhecido nacionalmente por seminários fraudulentos.

A referida homenagem foi em 2017, e o Instituto foi alvo de várias denúncias, inclusive foi noticiado em mídias nacionais como o Fantástico e  G1. O Portal JE10 também trouxe a matéria na época. (clique aqui).

O MP de Cordeirópolis abriu inquérito por apuração de improbidade administrativa consistente no uso de dinheiro público para promoção pessoal e possui 206 páginas. O parlamentar participou do 116º Seminário Brasileiro de Prefeitos e Vereadores, sendo que o Instituto encaminhou e-mail, alegando ter realizado pesquisa telefônica e  foi verificado que ele foi o vereador mais atuante da cidade e receberia a “Medalha Tiradentes – Colar de Ouro”.

Em sua defesa ao MP, o parlamentar trouxe que outros vereadores também participaram do evento e realizou pesquisas na internet  buscando informações do seminário, porém em junho de  2019, após os noticiários, a página não se encontrava mais no ar. O MP chegou a questionar o instituto dos números de ligações realizadas a Cordeirópolis para a referida pesquisa, mas não respondeu o questionamento e criticou as referidas reportagens.

Os gastos na época foram: Adiantamento: R$ 246,44; despesa com hotel R$ 267,61; a participação no Seminário foi de R$ R$ 578, já com gastos de alimentação somam o valor de R$ 155, 94, totalizando as despesas em R$ 1092,05.

Foto: Reprodução/internet





Leia Também

Deixe um comentário Para "MP pede devolução de dinheiro gasto com premiação..."